Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

riscos_e_rabiscos

.

.

Costas Quentes... E Não É Do Sol...

 

Mais um dia desmotivante e de calor infernal, mais um dia de praia e quilos de areia. Estava-se bem na praia e melhor ainda demolho na água, só era pena a rebentação das ondas.

 

Foi chegar à praia e sugerir uma ida imediata à água, antes que os corpos aquecessem mais, e depois colocava-se o protector solar (pois com a água sai) e as crianças comiam. Acharam que devia ser ao contrário. Ok, já cá não está quem falou! Percebi que a minha colega também já tinha ouvido qualquer coisa que não tinha gostado e que o único ser masculino que nos acompanha se estava a esticar...

 

Fomos à água duas vezes, dois miúdos da turma da santinha-do-pau-oco iam desaparecendo, se não fosse a V. buscá-los, enquanto sua santidade dava banhos de beleza na água salgadae eu me assegurava que as outras crianças estavam ali à minha volta.

 

Fomos almoçar e, como é hábito, os diabinhos anjinhos são sempre os últimos a fazer tudo graças à lentidão extra que lhe foi "ensinada", digamos assim. Existe a tradição das crianças irem comer um geladinho e cada dia vai uma turma. Hoje calhou à dos diabinhos anjinhos e estavam fartos de nos apressar, uma vez que estava na horade almoço dos motoristas das camionetas. Mas como a santinha-do-pau-oco tem ritmo de caracol, a A. começou a pressionar para nos despacharmos. E assim fizémos, Pegámos nas crianças já prontas e fomos para a camioneta para adiantarmos serviço, enquanto a santinha preparava as crianças que lá ficaram. Ficámos à espera que sua santidade aparecesse e, quando finalmente apareceu, veio dizer-nos que não ia e que não queria café nem gelados.

 

Quando regressámos, fui informada por várias pessoas que a santinha-do-pau-oco tinha ido fazer queixas de mim e da V., dizendo que nós não fazíamos nada (?!) e que ela não tinha autonomia para fazer nada com a turma dela.Bo, nem vos digo, nem vos conto que fiquei pa morrer com o tamanho da mentira e ainda por cima pela queixinha. Mais uma vez prova que é uma criancinha em vez de uma mulherzinha.

Fiquei muito decepcionada e demotivada. Se não fosse pelo compromisso assumido, já não punha lá os pés, ela que se desemerdasse.

 

Não sei o que faça: se fico calada, pois ela tem as costas quentes da mana directora ou se lhe digo alguma coisa, tipo que não quero interferir no trabalho dela com as crianças e que me diga que tarefas quer que desempenhe. É que a mana acredita piamente na palavra dela, por isso estão a ver como a santinha é cínica e mentirosa. Tinha vontade de lhe dizer, sem meter ninguém em cheque, que quando tiver algo a dizer de mim que mo diga directamente.

O que é que vocês fariam? Help me!

 

MOMENTO DO DIA

 

#1 (na camioneta, a caminho da praia, alguns alunos do 1º ano)

- Vá lá, dá-lhe um beijo na boca... é rápido! Olha para a língua... até parece um iceberg... é fresquinha...

 

#2 (o mijão de serviço que pára no meio de uma estrada com carros em alta velocidade só para verter águas. Após ums mijadela contra a árvore onde estavam os sacos de alguns profes. ...)

- Ó G. não se lambe a mão depois de mexeres e sacudires a pilinha... (no comments )

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.